Grupo Oncoclínicas tem geração operacional de caixa recorde no segundo trimestre de 2023, de R$ 309 milhões, e lucro líquido de R$ 35 milhões

Grupo Oncoclínicas tem geração operacional de caixa recorde no segundo trimestre de 2023, de R$ 309 milhões, e lucro líquido de R$ 35 milhões

Gestão eficiente do capital de giro explica boa parte da performance de fluxo de caixa. Receita Líquida cresceu 51%, sendo 31% organicamente, enquanto o Ebitda Ex-PILP (excluindo apenas o efeito não caixa do plano de incentivo de longo prazo) atingiu R$ 268 milhões, 109% acima do mesmo período do ano passado

O Grupo Oncoclínicas (ONCO3) – maior grupo dedicado ao tratamento do câncer na América Latina – anuncia os resultados do segundo trimestre de 2023, registrando crescimento da receita bruta em 51,1% em relação ao ano de 2022. Em valores reais, foram registrados R$ 1,4 bilhão no 2T. Mais um recorde para a Companhia. No período de doze meses encerrados no segundo trimestre (LTM 2T23), a receita líquida atingiu R$ 5 bilhões e a empresa fechou o ano de 2022 com aproximadamente R$ 980 milhões de EBITDA ex-PILP nos últimos doze meses. Também pelo quarto trimestre consecutivo a Oncoclínicas registrou lucro líquido, alcançando R$ 35 milhões neste segundo trimestre de 2023. O Ebitda de 109% foi superior ao do ano passado, saltando de R$ 128,4 milhões para R$ 268,4 milhões.

O grande destaque deste trimestre ficou por conta da geração de caixa. O fluxo de caixa operacional totalizou R$ 308,9 milhões neste trimestre, refletindo uma gestão ativa nas iniciativas de recebimento, gestão de estoques e uma estratégia de alongamento de prazo médio com fornecedores, iniciada no 4T22 e que começa a produzir resultados agora. Por fim, mesmo após o serviço da dívida e todo o Capex executado no 2T23, a geração de caixa foi de R$ 98 milhões.

Entre as realizações do trimestre destaca-se a oferta pública de distribuição de suas ações, atraindo investidores estrangeiros, fundos de investimento e gerando um montante de cerca de R$ 900 milhões.
“Os números demonstram a eficiência da nossa gestão. Continuamos expandindo, principalmente pelo crescimento orgânico e também pelas sinergias capturadas com as aquisições e parceiras estratégicas. Ampliamos nosso modelo integrado do cuidado, garantindo qualidade, e consequentemente, gerando resultado para a companhia e seus investidores”, ressalta Bruno Ferrari, fundado e CEO do Grupo Oncoclínicas.

O número de tratamentos prestados aos pacientes aumentou 40,8% no 2T23 em comparação ao 2T22, atingindo um total de 157,4 mil, tanto em função do volume orgânico como pelas aquisições. O volume de tratamentos para os últimos 12 meses soma mais de 595 mil.

Segundo Cristiano Camargo, CFO e diretor de Relações com Investidores da empresa, os números positivos refletem a bem-sucedida gestão do capital de giro, a busca de eficiência em despesas operacionais e a extração de sinergias das aquisições. “Os números mostram mais uma vez nossa busca constante por eficiência operacional.Um trabalho importante iniciado desde 2022.”

O Ebitda Ex-PILP (excluindo apenas o efeito não caixa do plano de incentivo de longo prazo) somou R$ 268,4 milhões no 2T23, comparado a R$ 128,4 milhões no 2T22, 109% maior, com margem de 19,7% e 5,4 pontos percentuais acima do observado no 2T22. O crescimento do Ebitda continua a refletir o avanço no processo de integração das unidades adquiridas, com a captura de ganhos de eficiência e sinergias. Para o primeiro semestre de 2023, o Ebitda Ex-PILP já soma R$ 545,3 milhões, com margem de 20,6%.

O lucro líquido no 2T23 atingiu R$ 35 milhões, revertendo um prejuízo de R$ 24,6 milhões no 2T22 e marcando o quarto trimestre consecutivo de lucro líquido. O lucro líquido Ex-PILP somou R$ 48,3 milhões no 2T23, revertendo prejuízo de R$ 19,3 milhões no mesmo período do ano anterior.

Sobre o Grupo Oncoclínicas

A Oncoclínicas – maior grupo dedicado ao tratamento do câncer na América Latina – tem um modelo especializado e inovador focado em toda a jornada do tratamento oncológico, aliando eficiência operacional, atendimento humanizado e especialização, por meio de um corpo clínico composto por mais de 2.600 médicos especialistas com ênfase em oncologia. Com a missão de democratizar o tratamento oncológico no país, oferece um sistema completo de atuação composto por clínicas ambulatoriais integradas a cancer centers de alta complexidade. Atualmente possui 134 unidades em 35 cidades brasileiras, permitindo acesso ao tratamento oncológico em todas as regiões que atua, com padrão de qualidade dos melhores centros de referência mundiais no tratamento do câncer.

Com tecnologia, medicina de precisão e genômica, a Oncoclínicas traz resultados efetivos no acesso ao tratamento oncológico, realizando mais de 595 mil tratamentos nos últimos 12 meses. É parceira exclusiva no Brasil do Dana-Farber Cancer Institute, afiliado à Faculdade de Medicina de Harvard, um dos mais reconhecidos centros de pesquisa e tratamento de câncer no mundo. Possui a Boston Lighthouse Innovation, empresa especializada em bioinformática, sediada em Cambridge, Estados Unidos, e participação societária na MedSir, empresa espanhola dedicada ao desenvolvimento e gestão de ensaios clínicos para pesquisas independentes sobre o câncer. A companhia também desenvolve projetos em colaboração com o Weizmann Institute of Science, em Israel, uma das mais prestigiadas instituições multidisciplinares de ciência e de pesquisa do mundo, tendo Bruno Ferrari, fundador e CEO da Oncoclínicas, como membro de seu board internacional.

Para mais informações, acesse http://www.grupooncoclinicas.com

Conheça nossos Parceiros

Mais Notícias
Montôt lança estúdio conceito de arquitetura corporativa em Ribeirão Preto

Novo espaço inaugurado no Alto da Boa Vista oferece uma abordagem inovadora, transformando o showroom em um ambiente de trabalho e experimentação que integra experiência e funcionalidade. Com soluções utilitárias e parcerias estratégicas com marcas brasileiras como a Legg (mobiliários) e a Everlight (iluminação), estúdio revoluciona o conceito de design de interiores e arquitetura corporativa na cidade.

Pular para o conteúdo