XXII COPA MÁRIO RIBEIRO

XXII COPA MÁRIO RIBEIRO

Relembrando acontecimentos de 25 anos atrás....

CAMPEONATO DE FUTEBOL DE QUADRA DO CRAVINHOS TÊNIS CLUBE

MELHOS ATAQUE

CHAVE A: 1º Camorra – 108 gols; 2º Real Madri – 68 gols; 3º Vem Que Tem – 46 gols; 4º Juventus – 43 gols.

CHAVE B: 1º Cabelim – 27 gols; 2º Leão de Ouro – 24 gols; 3º Pamonhas Assassinas – 24 gols; 4º Cachaças Club – 21 gols.

MELHOR DEFESA

CHAVE A: 1º Real Madri – 12 gols; 2º Camorra – 18 gols; 3º Pedregal – 29 gols; 4º – Nich Soccec – 31 gols.

CHAVE B: 1º Barcelona – 13 gols; 2º Leão de Ouro – 14 gols; 3º Febre Amarela – 15 gols; 4º Cabelim – 21 gols.

ARTILHEIROS

CHAVE A: 1º Daniel Figueiredo (Camorra) – 44 gols; 2º Adriano Braz (Real Madri) – 21 gols; 3º Thiago Mariano (Juventus) – 17 gols; 4º Marcelo Vulcani (Parma) – 16 gols.

CHAVE B: 1º Fabricio (Pamonhas) – 19 gols; 2º Zezinho (Barcelona) – 8 gols; 3º Francklin (Febre Amarela) – 8 gols.

(Notícias extraídas do Jornal A Tribuna Regional de 01 de março de 1997, edição Nº 487).

COMENTÁRIOS

Os comentários não representam a opinião do nosso website. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Ajude-nos a melhorar nosso website

Nos informe sobre erros de digitação, informações ou problemas técnicos.