Projeto Walking Together firma compromisso com a ONU para contribuir com o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 11 – Cidades e Comunidades Sustentáveis

Projeto Walking Together firma compromisso com a ONU para contribuir com o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 11 – Cidades e Comunidades Sustentáveis

O projeto conta com o apoio de empresas como TOTVS, One 7 e Grant Thornton para o desenvolvimento das pequenas cidades

O Walking Together (WT) – projeto que nasceu em 2010, com o propósito de promover a generosidade por meio de conexões de valor, troca de experiências, ideias criativas, empreendedorismo, negócios e estilo de vida, ajudando pessoas e cidades a descobrirem suas vocações – firmou compromisso com a ONU de atender ao ODS 11 – Cidades e Comunidades Sustentáveis. O anúncio oficial foi feito durante mês de outubro, no 8º Walkin’Night, em São Carlos.

A ONU estabeleceu 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) no Brasil, para, através da adoção de boas práticas, acabar com a pobreza, proteger o meio ambiente e o clima e garantir que as pessoas, em todos os lugares, possam desfrutar de paz e de prosperidade. O Objetivo 11 é tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis até 2030.

Como um dos objetivos do WT é atuar em municípios de pequeno porte, com menos de 300 mil habitantes, ampliando as oportunidades nestas localidades, a cooperação com o órgão de classe mundial faz todo o sentido para os membros e as sociedades a que pertencem.

Programa Cidades Conscientes
Na busca de soluções para cumprir a missão, o WT fez uma parceria com o Instituto Cidades, que criou o Programa Cidades Conscientes. A ação se inicia com o Mapa da Felicidade dos municípios, que é alicerçado na mesma metodologia utilizada no Mapa da Felicidade do Estado de São Paulo, realizado pela primeira vez em 2004 e replicado em 2023.

O programa levantará o grau de felicidade, bem como os pilares associados a ela, dos moradores dos municípios que participarem do WT. Além disso, buscará informações também sobre os serviços públicos oferecidos pelos municípios e produtos e serviços sob a tutela da iniciativa privada. O levantamento serve para mostrar a importância de as pessoas refletirem sobre a sua felicidade pessoal e o quanto que isso impacta as suas vidas de modo geral.

“Um enorme volume de estudos científicos nos últimos anos comprovou a tese que se sabia há muito tempo, de que uma pessoa feliz é alguém que se comporta melhor em todos os sentidos. Do ponto de vista social, uma pessoa feliz é mais generosa, mais alegre, mais simpática, cuida muito mais da família, se relaciona muito melhor com as pessoas em todas as situações, protege o meio ambiente, cuida mais da sua saúde física e mental”, contextualiza Dr. Jorge Oishi, do Instituto Cidades, cientista responsável pela construção do Mapa da Felicidade do Estado de São Paulo, que esteve no evento, ao lado de Leonardo Abrahão, do Instituto Janeiro Branco, responsável pelo implantação da Agenda de Saúde Mental no país, e do fundador do WT, Fabio Fernandes.
Hoje, o projeto conta com o apoio de empresas como TOTVS, One 7 e Grant Thornton para o desenvolvimento das pequenas cidades. Presente em 70 cidades, a meta é atingir 200 até o final de 2024. Além do Brasil, o WT tem iniciativas no mundo inteiro.

Conheça nossos Parceiros

Mais Notícias
Pular para o conteúdo