POESIA

CORAÇÃO SOLDADO

Pesar

Indignação.

Ameaço na alma

Cicatrizes indômitas

Rejeição e refúgio

Asa machucada

Espírito e físico machucados

Indigno viver

Destino nefasto

Apaga o meu sopro de vida

Amargos pensamentos

Crueldade

Carcereiro indigno

Violenta também meus versos

Manifestos de dor e sepulcro

Da liberdade.

Pular para o conteúdo