Oncologista destaca principais estudos e avanços no tratamento de câncer apresentados na ASCO 2023

Oncologista destaca principais estudos e avanços no tratamento de câncer apresentados na ASCO 2023

Diretor da Oncoclínicas Ribeirão Preto, Diocésio Andrade, participou do maior congresso de oncologia do mundo, realizado nos Estados Unidos
Diocésio Andrade, diretor técnico e oncologista da Oncoclínicas Ribeirão Preto participou do maior congresso de oncologia do mundo

Especialistas estiveram reunidos no maior congresso de oncologia do mundo (ASCO 2023 – Congresso da Sociedade Americana de Oncologia Clínica), que aconteceu de 02 a 06 de junho. Representando a Oncoclínicas Ribeirão Preto, o diretor técnico e oncologista Diocésio Andrade participou do evento, que foi realizado em Chicago, nos Estados Unidos.

O congresso trouxe como tema este ano a “Parceria com os pacientes: o pilar do tratamento e pesquisa do câncer”. Durante os encontros foram discutidas maneiras de garantir que as abordagens de cuidado sejam acessíveis aos pacientes de forma global, além de apresentados novos avanços em terapias gênicas, drogas alvo moleculares e linhas de cuidados individualizadas para controle de diferentes tipos de tumores.

Entre os diversos estudos apresentados nesta edição, Diocésio Andrade destaca os três mais importantes, que poderão ser um grande avanço no tratamento da doença.

– Tratamento de tumores cerebrais de baixo grau com mutação do IDH1/IDH2: Há anos não havia nenhum novo tratamento para este tipo de neoplasia. O medicamento Vorasidenibe, seletivo no bloqueio da mutação acima descrita, aumentou em 16 meses o controle da doença.

– Tratamento de câncer de reto com a omissão de radioterapia associada à quimioterapia: O estudo demonstrou que é possível suspender a radioterapia para uma população com tumores menos avançados sem aumento no risco de recidiva para as pacientes.

– Tratamento adjuvante para câncer de pulmão ressecado com EGFR mutado: O uso do medicamento Osimertinibe por 3 anos demonstrou diminuição do risco de óbito pelo câncer em 5 anos da ordem de 51% quando comparado ao placebo.

“O congresso ASCO proporciona para nós oncologistas uma troca fundamental. É o mais importante evento sobre oncologia no mundo e nos permite adquirir experiências valiosas através das apresentações de pesquisas inéditas, debates e novas abordagens sobre os principais avanços científicos e tecnológicos para tratamento de pacientes com câncer no mundo”, afirma Diocésio Andrade.

Oncoclínicas nos palcos do ASCO

A Oncoclínicas esteve presente no ASCO 2023 com uma comitiva formada por mais de 90 profissionais brasileiros, entre médicos e executivos. O maior grupo especializado no tratamento do câncer na América Latina, também representou o Brasil na programação oficial com a divulgação de 22 estudos liderados por seu corpo clínico.

Entre as pesquisas apresentadas, foram destacados dados inéditos de cinco estudos realizados com a espanhola MedSir, empresa de pesquisas e desenvolvimento com foco em oncologia, da qual a Oncoclínicas é sócia. Além disso, lideranças médicas do grupo também subiram aos palcos para debater assuntos relativos às linhas de cuidado oncológico direcionados aos pacientes e novos avanços em tratamentos para diferentes tipos de tumores

Conheça nossos Parceiros

Mais Notícias
Ópera “O Jovem Rei” tem estreia mundial em Ribeirão Preto no próximo dia 20

Inspirada em conto homônimo de Oscar Wilde e com libreto assinado pelo maestro Lucas Eduardo da Silva Galon, a ópera, em dois atos, leva 100 artistas ao palco, em uma super produção inédita e gratuita que lança a agenda comemorativa de 10 anos da Academia Livre de Música e Artes (Alma). São quatro apresentações em Ribeirão Preto e uma em São Carlos.

Pular para o conteúdo