Núbia Rebello morre em acidente após bater carro em cavalo

Núbia Rebello morre em acidente após bater carro em cavalo

A jovem, que era atleta do time de vôlei do município e formada em odontologia, chegou viva ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Quem acordou no domingo (14) e abriu as redes sociais ou acessou sites de notícias, se deparou com uma notícia extremamente triste. A jovem Núbia Rebello, de 22 anos, havia sofrido um acidente trágico de carro na Rodovia Anhanguera, próximo ao Distrito Industrial e entrada de Cravinhos, quando o veículo que ela dirigia colidiu com um cavalo. Ela é filha de duas pessoas também muito queridas na cidade, seu pai Cristiano Rebello é funcionário do Fórum e cantor, e sua mãe, Andréa Delapieri é professora da rede pública de ensino.

A jovem também tinha um círculo de amigos muito grande, já que era atleta e jogava no time de vôlei da Secretaria Municipal de Esportes, e era formada em odontologia.

Segundo informações, Núbia dirigia o veículo e tinha ao seu lado uma prima. As duas vinham de Ribeirão Preto e já se aproximavam de Cravinhos. No momento em que deu sinal para entrar na cidade, um cavalo atravessou a pista. A colisão foi do lado do passageiro, onde estava a prima de Núbia, que passa bem. Mas, o animal, que morreu na hora, atingiu Núbia em cheio.

A mãe, Andréa, relatou que chegou rápido ao local do acidente e seguiu a ambulância até o Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto (HC-RP), e se despediu da filha na UTI, antes da primeira parada cardíaca. Ela contou que Núbia teve três paradas cardíacas. A primeira durou cinco minutos, e ela conseguiu ser reanimada. A seguinte, seis minutos. Mas, após oito minutos de uma terceira tentativa, não foi possível reanimá-la.

INVESTIGAÇÃO

De acordo com o delegado Jorge Koury, responsável pelo caso, a ocorrência foi registrada como homicídio culposo, quando não há intenção de matar. Koury disse que o responsável pelo animal não foi identificado.

Em nota, a concessionária Via Paulista disse que o trecho onde ocorreu o acidente conta com telas implantadas para evitar que animais cheguem à pista.

“Em vistoria realizada após a ocorrência não foram localizados danos nas telas delimitadoras da faixa de domínio”, informou.

Ainda de acordo com a concessionária, trabalhos preventivos são feitos com donos de animais que ficam em propriedades ao longo das rodovias para evitar que eles escapem.

COMENTÁRIOS

Os comentários não representam a opinião do nosso website. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Ajude-nos a melhorar nosso website

Nos informe sobre erros de digitação, informações ou problemas técnicos.