MAIS DE 500 FAMÍLIAS SE REÚNEM COM A PROMOTORIA PARA FALAR DE CONTRATOS E JUROS ABUSIVOS DO JD. ALIANÇA

MAIS DE 500 FAMÍLIAS SE REÚNEM COM A PROMOTORIA PARA FALAR DE CONTRATOS E JUROS ABUSIVOS DO JD. ALIANÇA

A AUDIÊNCIA PÚBLICA COM MORADORES E PROPRIETÁRIOS DO JARDIM ALIANÇA ACONTECEU NA QUADRA POLIESPORTIVA “ÁLVARO SAIANI”

A Promotoria de Justiça do Ministério Público de Cravinhos, através da Promotora Raquel Stein, realizou na terça-feira (28/06), na Quadra Poliesportiva “Álvaro Saiani”, em anexo a escola municipal João Nogueira, a audiência pública referente aos contratos de juros abusivos e possíveis ilegalidades contratuais do bairro Jardim Aliança, um empreendimento da empresa PHU (Planejamento Habitacional Urbano). O Ministério Público deve abrir inquérito para apurar possíveis irregularidades no loteamento voltado a famílias de baixa renda. Os lotes foram comprados há dez anos, mas segundo os donos, o valor das parcelas chegou a triplicar. 

Mais de 500 famílias se fizeram presentes. O objetivo da Audiência foi levar a conhecimento do Ministério Público, informações sobre os contratos e negociações entre os proprietários de terrenos e imóveis do Jd. Aliança e a empresa PHU. Diversos moradores detalharam o que havia acontecido e o porquê estavam se sentindo lesados. Todos os depoimentos foram registrados através de filmagem e explanado pelo microfone para que todos os presentes pudessem ouvir.

Presidiram a mesa de mediação, o prefeito municipal, Itamar Bueno; o vice-prefeito, Márcio Barroso; o representante do Poder Legislativo, vereador Tiago Carrascosa e o advogado, Dr. Mauricio Lins Ferraz, que representa os proprietários dos lotes do bairro Jardim Aliança.

Além dos moradores também se fizeram presentes o Gerente de Negócios Jurídicos, Dr. Jardiel Pessini; e os vereadores Edson Macário Gomes (Curumim), Juninho Vessi, Marco Aurélio Pereira Lopes (Minduim), Tiago Vicentim, Marco Fortunato (Marcão do Tião Preto), Diego Souza, Vânia Peres, Luis Siqueira e Gil Bis.

Texto e fotos: Leandro Cavalcanti

COMENTÁRIOS

Os comentários não representam a opinião do nosso website. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Ajude-nos a melhorar nosso website

Nos informe sobre erros de digitação, informações ou problemas técnicos.