Festa Junina: confira dicas de como aproveitar pratos típicos sem culpa

Festa Junina: confira dicas de como aproveitar pratos típicos sem culpa

Nutricionista da Hapvida NotreDame Intermédica sugere substituições saudáveis e propõe consumo de quitutes com moderação.

Os meses de junho e julho são dedicados às festas recheadas de pratos típicos juninos. Mas, antes de se deliciar com as diversas opções de quitutes, fica sempre o questionamento: as comidas desta época são saudáveis? Como posso aproveitar sem comprometer a dieta?

Para ajudar a elucidar essa dúvida, a nutricionista Izabele Acioli, da Hapvida NotreDame Intermédica, elencou algumas dicas para utilizar os alimentos de forma benéfica e comer as delícias gastronômicas sem exageros.

Consumo do milho

Um dos principais produtos das festas juninas, o milho está presente como ingrediente em diferentes receitas e também é oferecido diretamente no cardápio. Neste caso, Izabele aconselha que a preferência seja por milho cozido no lugar do assado.

“O milho é riquíssimo em fibras e faz muito bem para a nossa saúde. Porém, quando a gente consome, por exemplo, um milho assado, no processo do assar, ele libera algumas substâncias que não são benéficas para a nossa saúde”, explica.

A nutricionista recomenda também evitar o uso do milho em conserva e do milho transgênico nas receitas. Sempre que possível, deve-se utilizar o milho natural, retirado da espiga.

“O milho em conserva possui muito sódio e não é saudável, enquanto o milho transgênico pode desencadear processos alérgicos. O ideal para bolos, canjicas e pamonhas é retirar o milho da espiga, moer, liquidificar e processar”, diz Izabele.

Uso de açúcar e leite de coco

Para pessoas com diabetes, o cuidado com o cardápio das festas juninas deve ser redobrado e algumas substituições se fazem necessárias. Segundo a nutricionista, uma das opções é substituir o açúcar por adoçantes naturais, como stévia e xilitol, além de reduzir a quantidade quando tolerado pelo paciente.

Já no caso do leite de coco, a profissional recomenda a utilização de leite desnatado, o que já ajuda a diminuir a gordura do alimento.

Ingrediente do quentão

Bebida tradicional das festas juninas, o quentão é muito procurado para espantar o frio da época em algumas regiões pelo fato de levar cachaça na receita, que também mistura especiarias e frutas. Apesar da popularidade, a bebida não é considerada saudável e a sugestão da nutricionista é trocar a cachaça pelo vinho tinto.

“Embora as pessoas gostem muito e tenham a bebida por tradição, existe a possibilidade de tornar o quentão uma opção mais saudável fazendo a substituição da cachaça pelo vinho. Sempre com moderação.”, frisa Izabele.

Alerta para a higiene

Realizadas muitas vezes em ruas, praças ou salões, as festas juninas requerem atenção com o preparo das comidas e conservação dos pratos depois de finalizados.

“Procure locais com condições de higiene, onde consiga ver o alimento sendo preparado e armazenado. Fique em alerta em relação ao manuseio do alimento, se estão higienizados, o uso de luvas e os recipientes, se estão em boas condições. Tudo deve ser observado”, orienta a nutricionista. “Do restante, é lembrar que nada em excesso é positivo. A dica é: faça o consumo dos alimentos com moderação e consciência de que a sua saúde também está em jogo”, conclui.

Conheça nossos Parceiros

Mais Notícias
Pular para o conteúdo