Câncer de pele: medidas preventivas seguem sendo essenciais durante o inverno

Câncer de pele: medidas preventivas seguem sendo essenciais durante o inverno

Com registros frequentes de altas temperaturas, Ribeirão Preto se destaca também pela intensidade dos raios UV mesmo durante o inverno.

A prevenção do câncer de pele deve ser mantida também nas estações mais frias, principalmente em cidades com altos índices de raios UV, como Ribeirão Preto. Apesar da baixa temperatura, durante o inverno estes raios podem ser mais fortes e prejudiciais do que no verão, já que nessa estação há mais nuvens, que colaboram com sua filtragem.

Dados recentes do Instituto Nacional de Câncer (INCA) mostram que o câncer de pele não melanoma é o mais presente no Brasil e sua ocorrência equivale a 30% de todos os tumores malignos registrados no país. Na região Sudeste, o risco estimado da neoplasia é de 121 casos para cada 100 mil homens e 123 para as mulheres.

Dra. Cristiane Mendes é oncologista da Oncoclínicas Ribeirão Preto. (Divulgação)

“A radiação ultravioleta do sol – conhecida como raio UV – é a principal vilã do câncer de pele, então, evitar exposição a essa radiação continua sendo a melhor estratégia para diminuir as chances de desenvolver está neoplasia, independente da estação do ano e da temperatura. No dia a dia é fundamental ter alguns cuidados básicos, como o uso de filtro solar em todas as partes do corpo que ficam expostas, uso de camisetas de mangas longas, chapéu, guarda-sol e evitar exposição excessiva entre 10h e 16h”, comenta Cristiane Mendes, oncologista da Oncoclínicas Ribeirão Preto.

Abaixo, a médica esclarece alguns mitos e verdades sobre a doença:

– O tumor melanoma afeta a população tanto quanto o não melanoma?
Mito – O câncer de pele não melanoma é o mais frequente e, geralmente, exige tratamento menos agressivo, como cirurgia e acompanhamento depois. Já o melanoma representa apenas 3% das neoplasias malignas do órgão, porém é o tipo mais grave, devido ao alto potencial de se disseminar e de provocar metástase. Requer na maioria dos casos, tratamentos combinados como cirurgia e imunoterapia. 

– O uso de protetor solar é indispensável em qualquer hora do dia?
Verdade – É essencial o uso do protetor solar diariamente mesmo no inverno ou na sombra. Optar pelo fator 30 ou mais de proteção e sempre reforçar a aplicação durante o dia.

– Pessoas de pele clara estão mais suscetíveis ao desenvolvimento da doença?
Verdade – Pessoas com pele e olhos claros, cabelos ruivos ou loiros, albinos, ou com histórico familiar da neoplasia, estão mais propícias à      doença.  Quanto mais clara a pele, menor a quantidade de melanina, que é o nosso filtro natural. Portanto, esse grupo é mais suscetível aos danos causados ao DNA das células e maior é a probabilidade de desenvolver o câncer de pele. 

– Alterações na pigmentação ou surgimento de manchas e pintas podem ser sinais de câncer de pele?
Verdade – Qualquer alteração que ocorra na pele deve ser observada e acompanhada por um especialista. A neoplasia costuma apresentar-se através de lesões que coçam, ardem, descamam, sangram ou até feridas que não cicatrizam após quatro semanas. Pessoas que já possuem pintas na pele também precisam manter a atenção para alterações na pigmentação, textura, formato e tamanho.

– O diagnóstico precoce é importante para melhores resultados no tratamento da doença?
Verdade – A cura de pacientes está diretamente ligada ao diagnóstico e tratamento precoces, pois se observa melhores resultados quando feitos em estágios iniciais.

Sobre a Oncoclínicas&Co

A Oncoclínicas&Co. – Maior grupo dedicado ao tratamento do câncer na América Latina – tem um modelo especializado e inovador focado em toda a jornada do tratamento oncológico, aliando eficiência operacional, atendimento humanizado e especialização, por meio de um corpo clínico composto por mais de 2.700 médicos especialistas com ênfase em oncologia. Com a missão de democratizar o tratamento oncológico no país, oferece um sistema completo de atuação composto por clínicas ambulatoriais integradas a cancer centers de alta complexidade. Atualmente possui 145 unidades em 39 cidades brasileiras, permitindo acesso ao tratamento oncológico em todas as regiões que atua, com padrão de qualidade dos melhores centros de referência mundiais no tratamento do câncer. 

Com tecnologia, medicina de precisão e genômica, a Oncoclínicas traz resultados efetivos e acesso ao tratamento oncológico, realizando aproximadamente 635 mil tratamentos nos últimos 12 meses. É parceira exclusiva no Brasil do Dana-Farber Cancer Institute, afiliado à Faculdade de Medicina de Harvard, um dos mais reconhecidos centros de pesquisa e tratamento de câncer no mundo. Possui a Boston Lighthouse Innovation, empresa especializada em bioinformática, sediada em Cambridge, Estados Unidos, e participação societária na MedSir, empresa espanhola dedicada ao desenvolvimento e gestão de ensaios clínicos para pesquisas independentes sobre o câncer. A companhia também desenvolve projetos em colaboração com o Weizmann Institute of Science, em Israel, uma das mais prestigiadas instituições multidisciplinares de ciência e de pesquisa do mundo, tendo Bruno Ferrari, fundador e CEO da Oncoclínicas, como membro de seu board internacional. Além disso, a Oncoclínicas passou a integrar a carteira do IDIVERSA, índice recém lançado pela B3, a bolsa de valores do Brasil, que destaca o desempenho de empresas comprometidas com a diversidade de gênero e raça.

Para obter mais informações, visite Link.

Conheça nossos Parceiros

Mais Notícias
Montôt lança estúdio conceito de arquitetura corporativa em Ribeirão Preto

Novo espaço inaugurado no Alto da Boa Vista oferece uma abordagem inovadora, transformando o showroom em um ambiente de trabalho e experimentação que integra experiência e funcionalidade. Com soluções utilitárias e parcerias estratégicas com marcas brasileiras como a Legg (mobiliários) e a Everlight (iluminação), estúdio revoluciona o conceito de design de interiores e arquitetura corporativa na cidade.

Pular para o conteúdo