Cravinhos, 19 de Janeiro de 2018
ÚLTIMAS NOTÍCIAS:
Notícia
Santa Casa de Cravinhos tem dívida de quase R$ 5 milhões com a Receita Federal
02/08/2011

No ano de 2000 a então diretoria da Sociedade Beneficente-Santa Casa, de Cravinhos, renegociou uma dívida com a Receita Federal, no valor aproximado de R$ 2 milhões e 500 mil, mas apesar de acontecer o parcelamento a diretoria da época não cumpriu com a renegociação e acabou não pagando a dívida. Com isso os juros e multas foram se acumulando e nesta semana, o atual diretor da entidade filantrópica, anunciou que a antiga dívida chegou ao montante de R$ 4,6 milhões.

“Foi um problema que tomamos conhecimento e conversamos com o prefeito municipal [José Francisco Matasso Ferdinando], nesses dias, para que pudéssemos explicar o que estava acontecendo. No ano de 2000 não foi feito um trabalho para liquidar as pendências, que foram se acumulando e chegaram a esse valor. Infelizmente só tem um jeito para resolver isso, pagar a dívida que temos com a Receita Federal”, diz o diretor-geral da Santa Casa de Cravinhos, Edson Minohara.

Ainda segundo Minohara, logo que ele assumiu o cargo foi feita uma renegociação que possibilitou o pagamento mínino da dívida, feitas em parcelas simbólicas de R$ 100 mensais.

Com esse parcelamento mínimo a dívida que deveria ser paga em 180 parcelas de aproximadamente R$ 25 mil, caiu para 159 parcelas do mesmo valor. Mas para que a entidade não perca o certificado de filantropia, bem como o repasse de verbas parlamentares, só existe uma maneira: quitar a dívida.

“Se deixarmos de pagar essa dívida perdemos o certificado de filantropia e com isso podemos fechar o hospital, já que não poderão chegar mais verbas parlamentares. A Santa Casa é para atender a sociedade e principalmente os mais carentes, por isso não pode ser fechada e nem pensamos nisso”, diz Edinho Minohara.

Ainda segundo o diretor da Santa Casa, a Receita Federal demorou a estudar as condições do pagamento da dívida e isso rendeu multas. Mas mesmo assim aconteceu uma renegociação, sendo que a entidade conseguiu um desconto de 50% no valor, dando assim o valor de R$ 4,6 milhões.

Segundo a nossa reportagem apurou, a primeira parcela da dívida foi paga na sexta-feira (29/07), e mesmo assim nada afetará o atendimento do hospital.

“O hospital não pode fechar, o prefeito e vereadores estão do nosso lado e tenho certeza que nos ajudarão para solucionar esse problema. Confio em todos”, conclui Minohara. A parcela da dívida deverá ser recolhida todo o dia 29 dos meses subsequentes, nos próximos 12 anos.

Apoio do Executivo e Legislativo

Uma reunião foi realizada na quarta-feira (27/07), com todos os vereadores e prefeito municipal, na Câmara Municipal de Cravinhos, momento que foi repassado todos os valores e as dúvidas tiradas pelo diretor-geral da Santa Casa de Cravinhos, Edson Minohara.

“A dívida vem do passado e não desse governo, mas se hoje a Santa Casa de cravinhos se encontra com um grande atendimento é devido ao prefeito Cabelim, que teve investido na entidade, principalmente na parte de reformas. Sei que essa dívida não era esperada e que o prefeito gostaria de dar esse valor para que as reformas pudessem ser concluídas, entretanto estamos precisando da ajuda do Poder Executivo nesse momento”, diz o diretor-geral da Santa Casa.

Os nove vereadores que estavam presentes mostraram o apoio total ao presidente da Santa Casa e se dispuseram a estudar, junto ao prefeito Cabelim, como pode ser feita essa ajuda para a entidade, já que como falaram: “é um problema de toda a população”.

Por: Kennedy Oliveira

Fotos: A Redação

updown
Web by Parceria Online - 2011 - 2018 Todos os direitos reservados
Francisco José Cavalcanti da Silva - Diretor e Proprietário
Kátia Cavalcanti - Administrativo e Financeiro
Leandro Cavalcanti - Jornalista Responsável
Jamila Grecco - Jornalista
Fale Conosco: contato@atribunaregional.com.br
Endereço: Rua Cristiano Barreto, 327
CEP: 14140-000 - Cravinhos - SP
Telefone/Fax: (16) 3951.2228